Café brasileiro abastece mercado mundial

Imprimir

O Brasil é o único país produtor de arábica no mundo com crescente produção, o que vem garantindo o abastecimento do mercado cafeeiro mundial. A afirmação é do secretário de Produção e Agroenergia do Ministério da Agricultura, Manoel Bertone, que divulgou o 4º e último levantamento da safra de café 2009/2010, nesta terça-feira, 14 de dezembro, em Brasília. Os números, levantados pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) indicam a colheita de 48 milhões de sacas, aumento de 21,9% em relação ao ciclo anterior. Somente para exportação, foram destinadas mais de 32,5 milhões de sacas.

“Alcançamos um volume recorde de exportações, numa safra que também foi bastante significativa, o que vai consolidando a posição brasileira de líder no mercado mundial”, destaca o secretário. Segundo Bertone, os problemas na produção em grandes países fornecedores, como a Colômbia e vizinhos centro-americanos, levam o Brasil a garantir o abastecimento mundial de café.

O secretário lembra que essa foi uma safra com bom cenário. Primeiro, em relação aos preços favorecidos e motivados pelo aumento do consumo interno e externo. Depois, a aceitação do café brasileiro na Bolsa de Nova York. Para Bertone, o ano também trouxe bons frutos no que se refere à inclusão do grão nos blends internacionais.

O governo busca a consolidação da competitividade da cafeicultura brasileira, que cresce em qualidade e quantidade, de forma gradual e baseada em procedimentos de produção sustentáveis em termos sociais e ambientais. Bertone informa que 2010 foi um ano positivo para produtores e empresas, pois os preços melhoraram já no início da safra. “Os agricultores estão mais propensos aos investimentos do que no passado, o que significa que os preços atuais começam a superar os custos de produção”, diz.

Leilão de café

A Conab vai realizar um leilão de 50 mil sacas de café no início de janeiro. O estoque é do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé). O Conselho Deliberativo da Política do Café (CDPC) liberou, em maio do ano passado, a retomada da venda dos estoques antigos de café, que foram adquiridos antes de 1989. O ministro da Agricultura, Wagner Rossi, autorizou o reinício das vendas desses estoques, na semana passada, em decorrência do atual comportamento de preços e da necessidade de liberação de alguns armazéns.

É um leilão que não interfere no comportamento do mercado. Como o volume de café é pequeno, o CDPC recomendou a venda gradativa. De acordo com Bertone, a reação do mercado será monitorada e, se houver necessidade, os leilões serão suspensos.

Fonte: MAPA  

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

dapurtoto

dapurtoto

dapurtoto

dapurtoto

dapurtoto

dapurtoto

dapurtoto

dapurtoto

dapurtoto

bo togel terpercaya

situs togel terpercaya

situs togel terpercaya

10 situs togel terpercaya

situs toto

bo togel terpercaya

agen togel terpercaya

situs togel terpercaya

situs togel resmi

bandar togel online

bandar togel terpercaya

link togel

link slot dana

10 situs togel terpercaya

situs togel terpercaya

5 bandar togel terpercaya

situs toto

situs toto

bandar togel terpercaya

agen togel terpercaya

bo togel terpercaya

situs togel terpercaya

bandar togel terpercaya

slot deposit 5rb

situs toto

toto togel

situs toto

toto togel

situs toto

10 situs togel terpercaya

situs togel resmi