Governo de São Paulo subsidiará prêmio para contrato de opção em bolsa

Imprimir

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, assinou nesta segunda, dia 29, na Agrishow, em Ribeirão Preto, decreto que institui subsídio ao prêmio das opções em bolsa para os produtores que decidirem fazer seguro de preço, a fim de se protegerem de eventuais oscilações na entrada da safra.

No momento de obter o financiamento no Banco do Brasil, o produtor terá a alternativa de assumir um contrato de opções na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM&FBovespa). A secretária de Agricultura, Mônika Bergamaschi, explica que, ao fazer o hedge em bolsa, o produtor "garante o preço do mercado na negociação da safra".

O contrato vai beneficiar os agricultores que cultivam café, soja e milho, além de pecuaristas. Segundo a secretária, metade do prêmio do contrato é subsidiada pelo governo, com recursos do Fundo de Expansão do Agronegócio Paulista (Feap).

– Se, no momento da comercialização, o preço no mercado físico estiver acima do negociado na Bolsa, o produtor não precisa utilizar a opção. Mas se estiver abaixo, ele exerce a opção e recebe a diferença – afirmou.

Fonte: Agência Estado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *