Presidente do CNC fala em safra 2014 próxima de 40 mi/sacas

Imprimir

Tanto a safra de café brasileira 2014 quanto a de 2015 deverão ser pelo menos 20% menores do que o estimado inicialmente, depois que uma severa estiagem e altas temperaturas atingiram o cinturão cafeeiro do Brasil nos primeiros meses deste ano. A avaliação é do presidente do Conselho Nacional do Café (CNC), Silas Brasileiro, em entrevista ao The Wall Street Journal, informou a Dow Jones.

O CNC prevê uma safra brasileira de 2014 entre 40 e 43 milhões de sacas, mas Silas Brasileiro acredita numa produção bem mais próxima das 40 milhões de sacas. Para o próximo ano, segundo o dirigente do CNC, a produção pode ficar também em torno de 40 milhões de sacas, já que a seca prejudicará também a safra futura. Se não houvesse problemas, Brasileiro acredita que a produção de 2015 poderia superar as 50 milhões de sacas.

Para o presidente do CNC, os preços mais altos nas bolsas, resultado dessa quebra no Brasil, não são suficientes para os produtores que têm prejuízo em suas lavouras. Mas ele admite não querer preços tão elevados que desencorajem os consumidores.

Fonte: Agência Safras (Lessandro Carvalho)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *