Pesquisa Cafeeira 2017 terá as respostas validadas até o dia 03 de outubro

Imprimir
A Pesquisa CaféPoint Colheita Cafeeira Safra 2017, que permite aos produtores de arábica e conilon compartilharem informações importantes da temporada, como as condições de trabalho nas lavouras, as mudanças climáticas, a mecanização utilizada nas plantações, o tamanho dos grãos e a infestação de pragas, terá as respostas validadas até o dia 03 de outubro.

Foto: Gui Gomes/ Café Editora
 Foto: Gui Gomes/Café Editora

Fora as 24 questões que compõe o questionário, fotos e relatos enviados pelos cafeicultores por meio dos canais de comunicação do site CaféPoint também serão analisados. Desde os primeiros anos, a Pesquisa é montada com base nas ocorrências verificadas no decorrer das safras. Além de detectar os problemas da temporada 2016/2017, o estudo também visa descobrir pontos positivos, como os sistemas de tecnologia que estão sendo utilizados nas lavouras.

Pelo 3º ano consecutivo, a Comissão Nacional de Café da Confederação da Agricultura e Pecuária (CNA) está apoiando a Pesquisa, com o objetivo de propor políticas públicas direcionadas aos principais impasses encontrados na safra brasileira de café. De acordo com o assessor técnico da instituição, Maciel Aleomir da Silva, o que se sabe até o momento é que a previsão para o volume da safra 2017 ficará abaixo do esperado, com grãos miúdos, falta de chuvas e devastação de pragas.

“Apesar de ser uma safra de bienalidade negativa, os produtores já relatam queda de 20% em relação ao que se esperava. O surto da Broca-do-Café também afetou muitas regiões produtoras”, disse Silva. Devido ao surto do inseto, especialistas afirmam que a safra do ano que vem já está comprometida. Abaixo, segue uma entrevista do assessor técnico da CNA sobre a importância do questionário:

Agricultores que colaborarem com a Pesquisa CaféPoint Colheita Cafeeira Safra 2017 ganharão um mês grátis da ferramenta Agroclima PRO 3, da Climatempo, a partir do dia 03 de outubro. O serviço é uma plataforma de previsão geolocalizada que permite aos usuários receberem informações sobre a sua localização exata.

Além de conter os boletins periódicos que ajudam os produtores a prepararem o cultivo para condições severas, como geadas e seca, o pacote oferece previsões de 72 horas e 15 dias, tendências para 180 dias, histórico de dados de até duas safras retroativas, balanço hídrico, alerta fitossanitário, atendimento via WhatsApp e telefone e assistência integral de um agrometeorologista para decisões mais assertivas no campo, resultando em maiores ganhos em produtividade.

Para participar da Pesquisa clique aqui e responda como foi a sua colheita e o que você espera da safra 2017 de café. Os resultados serão divulgados durante a Semana Internacional do Café (SIC), que acontecerá em Belo Horizonte, de 25 a 27 de outubro.

Por Camila Cechinel / Café Point

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *