OIC mantém projeção de 133 mi/scs p/ safra mundial 2010/11

Imprimir

A Organização Internacional do Café (OIC) divulgou seu relatório mensal sobre o mercado cafeeiro, referente a maio deste ano, no qual manteve sua projeção de 133,065 milhões de sacas de 60 kg para a safra mundial 2010/11. Caso confirmado, esse volume implicará um crescimento de 8,11% em relação às 123,081 milhões colhidas na temporada 2009/10.

De acordo com o diretor-executivo interino da entidade, José Sette, com exceção à região da Ásia/Oceania, todas as demais áreas produtoras registraram aumento de safra. “Na África, os principais países produtores aumentaram a sua produção tanto de arábica quanto de robusta. Na zona de México e América Central, a produção aumentou em todos os principais países, exceto na Nicarágua”, contou.

Sette relatou, ainda, que, na América do Sul — onde a safra brasileira 2010/11 refletiu o ano de alta no ciclo bienal do arábica —, a produção total foi de 62,8 milhões de sacas, representando 47,2% da produção mundial. Aliada ao ciclo de alta no Brasil, ele citou o leve aumento na safra colombiana após dois anos sucessivos de níveis reduzidos. Por outro lado, o executivo reportou queda na Ásia/Oceania, que responde por 26,1% do total mundial de café, devido, principalmente, a uma quebra acentuada na Indonésia.

Fonte: P1 Agência de Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *