Incaper é homenageado na comemoração dos 100 anos do conilon no ES

Imprimir

O Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural – Incaper foi homenageado nesta segunda-feira (12) durante a solenidade de comemoração dos 100 anos do conilon no Espírito Santo. O evento foi realizado pela Secretaria de Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag) no auditório do Centro do Comércio do Café de Vitória (CCCV), no Palácio do Café. O Incaper é instituição fundadora e participante do Consórcio Pesquisa Café, cujo programa de pesquisa é coordenado pela Embrapa Café, Unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária – Embrapa, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – Mapa.

O diretor-presidente do Incaper, Evair Vieira de Melo, recebeu em nome do Instituto um troféu da artista plástica Ana Paula Castro, que simboliza os armazéns, as lavouras e a bebida. “Essa homenagem deve ser compartilhada com todos os cafeicultores capixabas. O laboratório onde toda a tecnologia do conilon foi desenvolvida são as propriedades rurais. Trabalhando debaixo de sol e chuva, nossos cafeicultores ajudam a fazer do Espírito Santo uma referência mundial quando o assunto é o café conilon”, disse Evair.

A importância da atuação do Incaper para o desenvolvimento da cafeicultura no Espírito Santo foi destacada durante toda a solenidade. Após receber a Comenda Jerônimo Monteiro, o cafeicultor Dario Martinelli destacou em seu discurso: “O Incaper tem um trabalho fenomenal de pesquisa em nossa cafeicultura e entrega desses resultados aos produtores por meio da extensão rural. Graças a isso, os cafeicultores estão em situação confortável. Nossa paixão pelo conilon vai nos levar ainda mais longe”, emocionou-se Martinelli.

“Os melhores pesquisadores, os melhores extensionistas do mundo estão no Espírito Santo. Nós temos paixão pelo café, amor pela lavoura. Essa é a nossa identidade”, elogiou o governador Renato Casagrande. O secretário de Agricultura, Enio Bergoli, orgulhou-se: “O Incaper construiu junto com os produtores, uma história de parceria, sem vaidade, compartilhando conhecimentos e construindo esse patrimônio cujo centenário é celebrado aqui”.

O Incaper e a cafeicultura – Os trabalhos do Incaper foram fundamentais para o desenvolvimento da cafeicultura no Espírito Santo. O Estado produz 74% da safra nacional de conilon. A espécie está presente em 40 mil propriedades de 64 dos 78 municípios capixabas. As lavouras ocupam mais de 300 mil hectares do território capixaba, com uma produção de 9,7 milhões de sacas. O conilon emprega em torno de 250 mil capixabas, e é responsável por 30% de toda a renda rural capixaba. A maior parte do acervo científico e tecnológico gerado pelas pesquisas para a cafeicultura do conilon nos últimos 20 anos está no Incaper. É atribuído ao Instituto o maior esforço de transferência de tecnologia dispensado ao conilon por meio da rede de extensão rural, com a utilização de inúmeras metodologias, publicações técnicas e 190 jardins clonais.

Fonte: Incaper – ES

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *