IFSULDEMINAS e Cooxupé: Pesquisa vai apontar falhas em práticas sustentáveis

Imprimir

O acordo foi oficialmente firmado em 7 de julho, em Guaxupé.

Um acordo firmado entre a Cooxupé e o IFSULDEMINAS vai dar origem a um diagnóstico sobre as principais deficiências de produtores rurais em relação às práticas sustentáveis. Alunos de graduação dos campus de Muzambinho e Machado vão a campo entrevistar 480 cooperados de seis municípios situados na área de ação da Cooxupé: Botelhos, Cabo Verde, Campestre, Muzambinho, Nova Resende e Juruaia. São estudantes de Agronomia e filhos de cooperados, na grande maioria. Eles prepararam um questionário detalhado, englobando aspectos técnicos, de viabilidade econômica, de respeito social e ambiental ligados à cafeicultura no sul de Minas. A ideia é utilizar a prática para melhor direcionar o aprendizado de alunos e sanar dificuldades de cooperados.

“Como a principal aptidão da região é o café e quando o assunto é café não se pode esquecer da Cooxupé, resolvemos procurar seus diretores para melhor direcionar este trabalho”, afirmou Marcelo Bregagnoli, pró-reitor de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação do IFSULDEMINAS. O objetivo desta parceria aplicada, segundo ele, é possibilitar um treinamento mais eficiente dos alunos.

Na opinião de Bregagnoli, a prática vai apontar quais são as falhas da cadeia produtiva do café. “Com base na formatação desses dados pretendemos preencher lacunas. De que forma? Buscando estratégiaspara sanar o uso de tecnologia”, disse o pró-reitor à Folha Rural. Segundo ele, este trabalho envolvendo os cooperados dará condições, ao IFSULDEMINAS, de aprimorar a formação técnica dos estudantes.

A Cooxupé, por sua vez, com base neste diagnóstico, poderá traçar estratégicas de ação para auxiliar os produtores a se adequarem aos programas de certificação que a cooperativa já oferece aos seus cooperados, como o C.A.F.E. Practices, da Starbucks, e o 4C – Código Comum para a Comunidade Cafeeira.

Num primeiro momento, 18 alunos estão envolvidos no projeto, que na opinião do presidente da Cooxupé, Carlos Paulino, pode até tornar-se de âmbito estadual.

O acordo foi oficialmente firmado em 7 de julho, em Guaxupé. Participaram: pela Cooxupé, o presidente Carlos Paulino e o diretor administrativo Antonio Carlos Oliveira Martins, assistidos pelo reitor substituto Renato Ferreira de Oliveira, o pró-reitor Bregagnoli, Leandro Paiva e Carlos Henrique Reinato, do IFSULDEMINAS.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Cooxupé

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *