Embrapa inicia teste para medir efeitos do CO2 na atmosfera

Imprimir

O primeiro experimento da América Latina a medir os efeitos do aumento da concentração de CO2 na atmosfera foi inaugurado nesta quinta, dia 25, em Jaguariúna, interior de São Paulo. Conhecido como Face (free-air carbon dioxide enrichment), foi montado num campo experimental da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). O objetivo é antecipar os problemas que a agricultura pode enfrentar com a mudança do clima.

A medição de gás carbônico começou oficialmente às 11h. Metade dos 35 mil pés de cafés distribuídos em sete hectares vai receber uma quantidade do gás muito maior do que a atual, equivalente a emissão que pode ocorrer no ano de 2100. A outra metade vai ficar exposta a atmosfera atual.

Os primeiros resultados devem começar a surgir em três anos. O mesmo estudo, realizado em estufas, com as culturas da soja, arroz, eucalipto e com o próprio café, mostrou que a maior concentração de CO2 pode aumentar a presença de fungos e até diminuir a incidência de ferro nas culturas. Uma importante ferramenta que vai poder ser utilizada com precisão pelos produtores.

Fonte: CNC  

  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *