El Salvador: receita com exportação de café sobe 117,7% até junho

Imprimir

A produção de café de El Salvador continua obtendo resultados positivos. Em junho, a exportação do grão teve um aumento de 87,6% em volume e de 166,9% em valor, comparado com o mesmo mês do ano anterior, segundo dados preliminares do Conselho Salvadorenho de Café (CSC).

O volume exportado em junho foi de 130.379 sacas de 60 quilos, frente às 69.505 sacas exportadas em junho de 2010, enquanto o valor obtido foi de US$ 38,94 milhões contra US$ 14,59 milhões recebidos no mesmo mês do ano anterior. O preço médio por saca exportada em junho foi de U$ 298,69, superando em mais de US$ 88 o preço médio do exercício anterior, de US$ 209,92.

Quanto ao acumulado de volume exportado no exercício de 2010/2011 (de outubro de 2010 a junho de 2011), esse registra um total de 1.472.709 sacas, um aumento de 60,2% com relação ao exportado durante o mesmo período do ciclo anterior, que foi de 919.409 sacas. Com relação ao valor acumulado, o aumento foi de 117,7%, totalizando US$ 381,31 milhões, contra US$ 175,18 milhões no ciclo de 2009/10.

Os principais destinos do café salvadorenho foram: Estados Unidos, com 33,7%; Alemanha, com 31,2%; Japão, com 10,7%; e Canadá, com 6,3%. Vinte e nove países mais complementam os destinos do grão salvadorenho. A reportagem é do La Prensa Gráfica, traduzida e adaptada pela Equipe CaféPoint.

Fonte: CaféPoint 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *