Cooxupé antecipa tendência e abre comercialização de café pela internet

Imprimir

As tecnologias e facilidades da internet estão cada vez mais presentes no campo. Desde janeiro de 2012, a COOXUPÉ, cooperativa de cafeicultores com atuação no Sul de Minas Gerais, Cerrado Mineiro e Vale do Rio Pardo (SP), oferece ao cooperado um sistema que realiza a comercialização de café, entre outras transações, pela internet. 

O Café Online, nome da ferramenta, está em fase de implantação, mas ganha cada vez mais adeptos. “É uma grande facilidade para o cooperado. Ao invés dele vir até a COOXUPÉ para comercializar suas sacas, ele pode fazer isso de casa, do próprio computador”, explica Aguinaldo Aparecido Moreno, comercializador da COOXUPÉ.

Ao aderir ao programa, o cooperado ganha uma senha e um login para acessar a página do Café Online, que fica no site da COOXUPÉ. Nela, ele consegue visualizar as cotações do dia, vender as sacas, fazer simulações, entre outras transações. Para José Raimundo Pedroso Neto, produtor de Guaxupé/MG, a ferramenta trouxe inúmeras vantagens. “Acredito que 50% das nossas transações de café serão pela internet. O sistema é fácil, rápido e se tiver um aumento no valor da saca, consigo fechar negócio com o preço do dia”, afirma. Outro ponto levantado pelo produtor é a facilidade de simulação. “Consigo ver exatamente o preço do meu lote de café, quantas sacas posso comercializar e quanto vou receber por elas”, conta.

Após a conclusão do negócio, o cooperado recebe um alerta de confirmação no celular e o dinheiro é depositado em conta, na data programada.

Curso de Inclusão Digital

Neste mês de junho começa na COOXUPÉ o Curso de Inclusão Digital, que terá o objetivo de abordar entre os cooperados temas ligados ao universo da web como o Café Online, o site da cooperativa, nota fiscal eletrônica, entre outros assuntos de interesse do produtor. Segundo o gerente de Comunicação e Marketing da COOXUPÉ, Jorge Florêncio Ribeiro Neto, o curso irá familiarizar os produtores com as ferramentas da internet. “Vamos contar com profissionais da área de TI em todas as Unidades de Negócio da cooperativa”.

O projeto piloto começa nas Unidades de Negócio da COOXUPÉ em Monte Santo de Minas, Cabo Verde e Nova Resende e, ao longo do ano, estará em todas as 22 unidades da cooperativa.

“É mais uma comodidade que a Cooxupé nos oferece e com muita segurança”, avalia Marcelo Bragheta Pedrosa, cooperado de Tapiratiba (SP).

Fonte: Phábrica de Ideias – Assessoria de Imprensa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *