Cafés especiais serão avaliados em concurso em Poços e Andradas

Imprimir

Um dos maiores produtores de café do país, o Sul de Minas, terá destaque em um concurso de qualidade, que acontece nas cidades de Poços de Caldas (MG) e Andradas (MG). Foi lançada, nesta segunda-feira (11) a primeira etapa do concurso, onde os cafeicultores poderão disputar um prêmio no Concurso de Qualidade dos Cafés. Os eventos têm como objetivo destacar os cafés regionais em âmbito nacional e internacional. Atualmente, Poços de Caldas tem 250 produtores, que por ano vendem entre 70 e 100 mil sacas.

A novidade desta edição é uma homenagem às mulheres da cafeicultura. Será feita uma programação com palestras e workshops abertos e gratuitos com receitas fáceis e rápidas envolvendo o café. Para uma das homenageadas, Edvânia Zanetti Dias, de 40 anos, o momento é de reconhecimento. “Eu sempre trabalhei com café. Fui criada neste meio e depois de casada, também trabalho com isso para ajudar meu marido. O que posso dizer é que atuamos com amor e esse é o diferencial”, pontuou.

Cafés especiais poderão participar da premiação (Foto: Jéssica Balbino/ G1)

O prazo de inscrição vai até 19 de setembro e até esta data o produtor também deverá entregar a amostra do café. A prova sensorial que classificará os cafés será realizada no dia 4 de outubro, no campus do Instituto Federal do Sul de Minas (IF Sul de Minas) em Machado (MG), no Centro de Excelência do Café. A prova dos finalistas e também degustação para os compradores serão realizadas no dia 11 de outubro, dia que acontece o encerramento oficial, leilão e premiação dos vencedores.

Para o responsável pela Associação dos Cafés Vulcânicos de Poços de Caldas e também presidente do Sindicato dos Produtores Rurais, Marco Lobo Sanches, será um momento de muito trabalho. “Vamos trabalhar bastante no intuito de valorizar o produto feito em Poços de Caldas, fabricado por nós mesmos, mas acredito que teremos um resultado muito positivo”, comentou.

Questionado sobre os benefícios do concurso, o secretário de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, Rodrigo Reis, enfatizou a oportunidade de crescimento do setor. “Concursos como este estimulam conhecimento e melhora técnica dos produtores. Eles se preocupam mais com os grãos, com o mercado de vendas e pós-vendas, com os cafés diferenciais e especiais durante todo o processo, com a qualidade do plantio, manejo, colheita, local específico, entre outros”, explicou.

Serviço – Outras informações sobre o evento podem ser acessadas pelo site: www.cafesespeciaispocosdecaldas.com ou ligue pelo telefone (35)3697-1551.

Fonte: G1 Sul de Minas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *