Café: Vietnã e América Central podem ter prejuízos com falta de chuvas

Imprimir

Nos últimos 90 dias, regiões ao norte do planalto central do Vietnã receberam entre 50% e 80% das chuvas normais e a seca pode reduzir a produção nas áreas não irrigadas, informou Drew Lerner, presidente da World Weather Co. A situação não é tão severa no sudoeste do país. A previsão para as próximas duas semanas indica precipitações mais erráticas, abaixo da média, salientou Lerner. As informações partem da Agência Bloomberg.

Partes da Nicarágua e de Honduras receberam entre 50% e 70% de chuvas normais, o que ameaça a safra, devido à falta de umidade durante a floração dos grãos. As condições são melhores para a produção na Guatemala e na Costa Rica. Algumas partes do cinturão do café Colombiano, principalmente em áreas próximas à fronteira com a Venezuela, também apresentam condições secas.

"Quase todas as áreas equatoriais do café ao redor do mundo estão apresentando algum tipo de condição seca devido ao El Niño", informou Lerner. O Brasil deve apresentar tempo seco pelas próximas duas semanas, permitindo um aceleramento da colheita.

Fonte: Agência SAFRAS (Tarcila Mendes) com CNC

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *