Café sustentável é a grande meta do setor

Imprimir

O diretor executivo da OIC – Organização Internacional do Café, Robério Silva, disse hoje, em entrevista durante a Semana Internacional do Café, em Belo Horizonte, que o grande desafio da entidade no momento é encarar junto com os países membros a questão da sustentabilidade econômica, social e ambiental na área do café. Segundo ele, isso é fundamental, pois as principais torrefadoras do mundo fixaram meta de elevar o percentual de fornecedores do produto dos 8% atuais para 25% de cafés sustentáveis, até 2015.

Ao fazer um balanço dos 50 anos comemorados pela OIC em 2013, Robério Silva afirmou que depois de ter cumprido um importante papel de estabilização do setor cafeeiro na primeira metade de sua atuação, a entidade transformou-se, nos últimos 25 anos em uma fundamental “agência de coleta e distribuição de estatísticas, funcionando como um elemento que dá transparência para o mercado internacional do café”. Principal organismo intergovernamental do setor cafeeiro mundial, a Organização Internacional do Café (OIC) se reúne em Minas Gerais pela primeira vez. A escolha do local reflete a importância do estado para a cafeicultura mundial, uma vez que 25% de todo o café consumido no mundo é produzido em solo mineiro.

Equilíbrio necessário

A OIC, disse seu diretor executivo, precisa estar no centro do debate da sustentabilidade para assegurar que o produtor também seja visto como a principal forma de garanti-la. Fator fundamental para que a parte econômica do tripé da sustentabilidade seja preservado, o preço baixo do café no mercado, hoje, é uma ameaça significativa àquele objetivo. ”Então, temos que estar no centro do debate, para podermos viabilizar estatísticas confiáveis aos membros da OIC e ao mercado, exatamente para promover esse debate franco e aberto entre produtores e consumidores”, acrescentou.

Robério Silva disse esperar que, com a divulgação das estatísticas da OIC com relação a produção, a consumo e a estoques, que as diversas partes que atuam no comércio internacional do café compreendam que o  equilíbrio do mercado está muito instável nesse momento: “tanto os preços podem continuar baixando, quanto há possibilidade também de uma reação, quando ocorrer qualquer interrupção da oferta”, alertou.

A Semana Internacional do Café abriga a Reunião de 50 anos da Organização Internacional do Café (OIC) e o Espaço Café Brasil, a maior feira do setor na América Latina. A programação ainda inclui rodadas de negócios, conferências, competições de baristas, palestras, workshops e seminários. A Semana é uma realização do Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado e Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), em parceria com a Federação da Agricultura e Pecuária de Minas Gerais (Faemg), Sebrae, OIC, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Ministério das Relações Exteriores e Café Editora.

O evento conta com o patrocínio da Nestlé, Case, Sistema OCB/Sescoop/Ocemg, Banco do Brasil. FCStone e Sicoob. Mando novamente as logomarcas dos patrocinadores . Todas estão anexadas, menos da Case. Favor pedir ao pessoal do Espaço Café Brasil.

Organização Internacional do Café (OIC)

Principal organismo intergovernamental do setor cafeeiro mundial, a Organização Internacional do Café (OIC) se reúne em Minas Gerais pela primeira vez. A escolha do local reflete a importância do estado para a cafeicultura mundial, uma vez que 25% de todo o café consumido no mundo é produzido em solo mineiro. Centenas de delegados da organização, representando dos principais países produtores e consumidores estão em Belo Horizonte para discutir os rumos da cafeicultura.

Os países-membros da OIC representam 97% da produção mundial e mais de 80% do consumo de café. Durante a reunião, embaixadores, ministros, secretários de agricultura e representantes de entidades de classe de diversos países discutem, entre outros assuntos, tendências do mercado, melhoria de qualidade do café, tecnologias relevantes para o setor e instrumentos financeiros para a melhoria das condições de plantio e de trabalho dos produtores.

8º Espaço Café Brasil (Feira Internacional de Café)

O Espaço Café Brasil é uma plataforma de negócios para o mercado de café que reúne a área de exposições e atrações para produtores rurais, cooperativas, torrefadores, exportadores, varejistas, empreendedores, baristas e consumidores finais.

Desde 2006, a feira atrai os principais compradores e fornecedores do mundo. Em 2012, contou com a visitação de 6.500 compradores e profissionais e mais de 100 marcas expositoras, que apresentaram lançamentos de produtos e as principais tendências do mercado.

Fonte: Assessoria de Imprensa Semana Internacional do Café – Ideia Comunicação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *