Café: indicador do arábica acumula queda de mais de 4% no mês

Imprimir

Os preços do café arábica têm recuado na parcial de março, de acordo com dados do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea). As recentes baixas no físico brasileiro têm sido diretamente atribuídas à retração no mercado internacional.

No acumulado deste mês (até dia 20), o Indicador CEPEA/ESALQ do arábica tipo 6 bebida dura para melhor, posto na capital paulista, recua 4,35%, fechando a R$ 295,95/sc de 60 kg nessa quarta-feira. Em relação aos embarques, os dados do mês de fevereiro evidenciam que a safra 2012/13 deve encerrar em queda frente às duas últimas temporadas. No último mês, o Brasil exportou 1,9 milhão de sacas de 60 kg de café verde, gerando receita de US$ 363,5 milhões. Em comparação com janeiro/13, houve queda de 19% no volume e de 23% na receita em dólar, segundo dados da Secex (Secretaria de Comércio Exterior).

Redução de janeiro para fevereiro já era esperada, visto que há menos dias úteis no segundo mês do ano. Porém, a queda foi mais acentuada que a prevista. Diante da persistente retração de vendedores – mesmo com a colheita da nova safra se aproximando –, exportadores não aumentam os valores ofertados, optando por negociar apenas volumes que precisam embarcar. 

Fonte: Cepea – Esalq/Usp

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *