Café: Chuvas aliviam lavouras, mas pressionam cotações

Imprimir
A chuvas dos últimos dias trouxeram certo alívio aos produtores brasileiros de café, já que as lavouras, prejudicadas pelo longo período de seca no País, podem se recuperar para a temporada 2018/19. Por outro lado, esse cenário mais positivo tem pressionado as cotações, tanto no mercado doméstico quanto no externo, mantendo agentes afastados das negociações. Assim, entre 26 de setembro e 3 de outubro, o Indicador CEPEA/ESALQ do arábica tipo 6, bebida dura para melhor, posto na capital paulista, recuou 1,8%, fechando a R$ 442,08/saca de 60 kg nessa terça-feira, 3. Quanto ao robusta, o Indicador CEPEA/ESALQ do tipo 6, peneira 13 acima, a retirar no Espírito Santo, fechou a R$ 394,58/saca de 60 kg nessa terça, baixa de 1,3% no mesmo período.

Fonte: Cepea Via Notícias Agrícolas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *