Café: associação do Vietnã defende novo contrato de exportação

Imprimir

A Associação de Café e Cacau do Vietnã (Vicofa, na sigla em inglês) recomendou a adoção de um contrato de café padronizado para assegurar exportações com qualidade consistente e facilitar a resolução de disputas comerciais, impulsionando os embarques do país, disse nesta segunda-feira o secretário-geral da Vicofa, Nguyen Viet Vinh.

"Estamos esperando a aprovação das agências estatais e do ministério da Justiça", disse Nguyen, no fim de semana. Segundo ele, depois disso, a entidade buscará a opinião da Organização Internacional do Café sobre a iniciativa. "Estamos nos esforçando para implementar o contrato de exportação de café antes do fim do ano", destacou.

De acordo com a associação, um contrato de exportação comum deve reduzir perdas de exportadores vietnamitas, que frequentemente negociam por meio de contratos obscuros ou vendem estoques sem acertos formais. Com o contrato padronizado, os termos de pagamento serão definidos com mais clareza e executados com carta de crédito. As disputas contratuais serão decididas pelo Centro Internacional de Arbitragem do Vietnã e pela Câmara de Comércio e Indústria do Vietnã, de acordo com as leis comerciais do país, acelerando a resolução de litígios, afirmou Nguyen.

"A qualidade também é um ponto importante agora, particularmente porque há muitas tradings buscando grãos no país", disse o secretário da Vicofa. O Vietnã é o segundo maior exportador mundial de café. Nguyen destacou ainda que qualidade do produto deve corresponder a padrões reconhecidos internacionalmente, como o TCVN4193: 2005, observando que isso deve incentivar torrefadoras e comerciantes a ampliar compras de café vietnamita.

Conforme a associação, a produção de café vietnamita no ano safra que termina em 30 de setembro deve atingir 18,3 milhões de sacas de 60 quilos. A produção em 2012/13 deve diminuir entre 15% e 20% ante o ano anterior, por conta das chuvas no início da temporada e da provável queda dos rendimentos devido ao envelhecimento dos pés de café. As informações são da Dow Jones.

Fonte: Agência Estado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *