Prazo de certificação de armazéns é prorrogado

Imprimir

Os armazéns de grãos e produtos agrícolas ganharam maior prazo para adequar sua estrutura às regras do Sistema Nacional de Certificação de Unidades Armazenadoras. O Ministério da Agricultura prorrogou o prazo para certificação, por meio da Instrução Normativa nº 41, publicada no Diário Oficial da União (DOU) na semana passada. A regra alonga os prazos e prevê também a revisão das normas para os requisitos técnicos obrigatórios ou recomendados, que determinam as adequações estruturais, tecnológicas e de capacitação técnica para que as unidades armazenadoras possam obter a certificação.

Auditores técnicos de organizações credenciadas pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro) executarão o trabalho de análise. Entre os requisitos avaliados para a certificação estão a adoção de sistemas de higienização da estrutura e de temperatura dos grãos e as condição estruturais de armazenagem. O objetivo é evitar perdas na produção, melhorar a qualidade e quantidade dos grãos e capacitar os profissionais do setor.

 

 

Fonte: DCI – Diário do Comércio & Indústria

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *