Exportação de café do Brasil cai 25% em abril, aponta Cecafé

Imprimir

Em abril, período de entressafra na produção de café no Brasil, foram exportadas mais de 2,4 milhões de sacas de café, segundo dados do relatório mensal divulgado pelo Cecafé – Conselho dos Exportadores de Café do Brasil.

De acordo com o relatório, embora o resultado tenha sido 25% menor do que o reportado no mesmo período de 2015, desde janeiro deste ano a soma das exportações já atinge mais de 11 milhões de sacas e no acumulado dos últimos 12 meses a média permanece acima das 36 milhões de sacas.

Segundo Nelson Carvalhaes, presidente do Cecafé, o país está vivendo o fim da safra 2015-2016, quando é normal que haja uma queda nos estoques, resultado de uma produção menor no ano anterior e que, consequentemente, reflete na exportação.

"Os estoques vinham atendendo bem até março. Porém, a partir deste mês, por conta da entressafra e do bom desempenho anual das exportações e do consumo interno, houve a redução que já era esperada. Trata-se de algo pontual e a expectativa é que o mercado volte a crescer nos próximos meses com a abertura da nova safra" prevê o executivo.

Preços

Os preços continuam na mesma tendência de estabilidade. Em abril, a saca atingiu US$ 146,38 ante US$ 146,10 em março.

Portos

O Porto de Santos, no litoral paulista, segue como a principal via de embarque das exportações de café brasileiro, com 84,6% da exportação. Desde o começo do ano, mais de 9,5 milhões de sacas já passaram por ali. Destaca-se também o aumento nos portos do Rio de Janeiro (mais de 1,2 milhão de sacas, 11% de participação) e Paranaguá (mais de 106 mil sacas, 0,9% de participação).

Confira abaixo o relatório completo está disponível no site do Cecafé: 

Fonte: Cecafé

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *