UFLA participa do 38º Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras em Caxambu

Imprimir

De 23 a 26 de outubro, cerca de 400 pessoas estão reunidas no Hotel Glória, em Caxambu, para a 38ª edição do Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras. A Universidade Federal de Lavras é uma das instituições apoiadoras do evento, que tem a organização da Fundação Procafé. Participam do evento professores da UFLA e cerca de 40 estudantes que integram o Núcleo de Estudos em Cafeicultura (Necaf).

Nessa terça-feira (23), foi realizada a cerimônia de abertura, que contou com a presença na mesa de honra do reitor da UFLA, professor José Roberto Scolforo e do coordenador do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia do Café (INCT – Café), professor Mário Lúcio Vilela de Resende (DFP). A cerimônia contou com homenagens e debate sobre a conjuntura cafeeira, com o pronunciamento de diversas autoridades ligadas ao setor. O professor Scolforo fez a entrega da medalha Mérito Cafeeiro ao diretor da Federação da Agricultura e Pecuária de Minas Gerais (Faemg), João Roberto Puliti, um dos homenageados na cerimônia.

Em seu pronunciamento, o reitor da UFLA destacou o café como produto de grande importância para a Universidade, sendo objeto de pesquisa de mais de 100 professores da Instituição, além de sediar importantes estruturas e iniciativas, como o Centro de Ensino, Pesquisa e Extensão em Café (Cepecafé), o INCT – Café, o Polo de Excelência em Café e o Polo de Tecnologia em Qualidade do Café. O professor Scolforo enfatizou ainda a parceria com o Governo de Minas na proposição de grandes projetos, como a futura construção da Agência de Inovação do Café, que deverá consolidar iniciativas inovadoras para a valorização do produto e colocar o Estado em um novo patamar de competitividade.

Delegação da UFLA e representantes de instituições parcerias no Congresso Brasileiro 

‘Boas tecnologias difundir, pro café bem florir’ é o tema desta edição do Congresso e evidencia a importância do uso racional de novas técnicas para aumentar a capacidade produtiva dos cafezais e, com ela, buscar a redução de custos e o aumento da renda. Como tradicionalmente acorre, o evento reúne pesquisadores, estudantes, consultores, profissionais do mercado e cafeicultores, para a apresentação dos últimos resultados de pesquisa e inovações no manejo dos cafezais e preparo de novos produtos.

Os professores da UFLA Antônio Nazareno Guimarães Mendes (DAG), Rubens José Guimarães (DAG), Mário Lúcio Resende (DFP) e Fábio Moreira da Silva (DEG) participam como mediadores de debates e seminários. Muitos estudantes da UFLA foram selecionados para apresentação oral de seus trabalhos.

Fonte: Ascom Ufla

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *