Sorriso (MT) realiza a Reunião de Certificação de Unidades Armazenadoras

Imprimir

A Comissão Técnica Consultiva do Sistema Nacional de Certificação de Unidades Armazenadoras (SNCUA), instituída pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), realizou uma reunião com o setor armazenador na cidade de Sorriso, MT, no dia 31 de maio. O evento teve lugar na sede do Sindicato Rural de Sorriso e contou com mais de 100 armazenadores que debateram os Requisitos Técnicos da IN 29 de 8 de junho de 2011 apresentada pelos membros da Comissão Técnica Consultiva do SNCUA.

Foram proferidas palestras sobre o referido sistema e as normas de qualificação dos processos de armazenamento no país, evidenciando as vantagens comparativas da certificação, empreendimento único no mundo, que eleva o Brasil a condição de protagonista na atividade, conferindo maior transparência, visibilidade e aceitação dos produtos agrícolas frente aos mercados internacionais.

A Associação Brasileira de Pós-colheita (ABRAPOS), que é membro efetivo da Comissão Técnica Consultiva do SNCUA esteve presente, representada pelo presidente Irineu Lorini que participou dos debates e esclarecimentos a respeito desta importante instrução normativa para a garantia da qualidade do grão brasileiro. Vários membros da diretoria da ABRAPOS também estiveram presentes contribuindo neste assunto.

O coordenador desta comissão, Rafael Borges Bueno da Conab, apresentou claramente as vantagens e benefícios de certificar as unidades armazenadoras, além de lembrar que é uma lei e que esta deverá ser cumprida por todo setor armazenador do pais.

Importante comunicação foi feita pelo Secretário-Executivo da Comissão Técnica Consultiva do Sistema Nacional de Certificação de Unidades Armazenadora, Carlos Alberto Nunes Batista, informando que o MAPA estará iniciando a fiscalização do sistema a partir de janeiro de 2013 através dos fiscais agropecuários do MAPA. Estes estão sendo preparados nos requisitos técnicos e legais da certificação para fiscalizar o cumprimento desta lei.

É fundamental que todas as empresas armazenadoras estejam rigorosamente em dia com os percentuais de unidades certificados no início de 2013, conforme determina a IN 41 de 15 de dezembro de 2010, para evitar dificuldades e operar no sistema.

Fonte: Associação Brasileira de Pós-colheita (ABRAPOS)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *