Sindicafé SP promove cursos de Certificação e de Calibragem de Q-Grader

Imprimir
O Centro de Preparação de Café (CPC) do Sindicafé – São Paulo está com as inscrições abertas para os cursos de Certificação e de Calibragem de Q-Grader. O de Certificação tem como objetivo capacitar provadores de cafés especiais de forma consistente para avaliar com precisão a qualidade dos grãos. O de Calibragem é obrigatório para os Q-Graders já licenciados, e deve ser feito a cada três anos, para renovar o certificado e manterem-se aptos como degustador.

O conteúdo do curso de Classificação é composto pela teoria e técnicas de Cupping baseadas nas normas da SCAA. Os degustadores são treinados e certificados para: Identificar os níveis de qualidade de lotes de café exportáveis ou não exportáveis; identificar um Café Especial; identificar o lote especial que possivelmente trará prêmio de preços, e saber como descrever o perfil de uma xícara de café.

O curso de Certificação é limitado a 12 participantes, e será ministrado de 2 a 7 de outubro, das 8h às 18h, nas instalações do CPC. O curso de Calibragem, também limitado a 12 participantes, será ministrado dia 9 de outubro, das 8h às 18h. Ambos os cursos podem ter pagamento facilitado, conforme data de inscrição.

O instrutor dos dois cursos é o consultor Jack Robson, engenheiro químico com especialização em Alimentos pela Universidade do Estado de Minas Gerais Campos de Varginha, Mestre em Ciência de Alimentos pela Universidade Federal de Lavras (UFLA), Instrutor do CQI (Coffee Quality Institute) e Master Roast pela Probat Alemanha. Com mais de 20 anos de experiência no setor, Jack foi responsável pelo Controle de Qualidade da Café Bom Dia por 12 anos, além de gestor da Qualidade do Programa Nucoffee.

SERVIÇO
Certificação Q-Grader – 2 a 7/10 – das 8h às 18h
Calibragem de Q-Grader – 9/10 – das 8h às 18h
Inscrições: www.sindicafesp.com.br
Mais Informações: Karina@sindicafesp.com.br ou 11 – 3125 3160
Sindicafé – SP – CPC – Praça Dom José Gaspar 30, 22º andar – Centro – São Paulo/SP

Fonte: Sindicato da Indústria de Café do Estado de São Paulo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *