Setor cafeeiro contrata mais de 14 mil trabalhadores

Imprimir
A falta de emprego continua preocupando os brasileiros. O comércio e a indústria demitiram, juntas, 41.441 pessoas com carteira assinada no mês passado. Já o setor agropecuário registrou uma abertura de 40.917 vagas em junho.

O comércio perdeu 20.971 empregos com carteira assinada, sendo grande parte dessas demissões no varejo, uma queda de 18.436 empregos no mês. O comércio atacadista também fechou vagas, em torno de 2.535 postos.

Já a indústria de transformação perdeu 20.470 empregos em junho. Os piores resultados foram registrados na indústria têxtil (-6.169 empregos), metalurgia (-3.427) e calçados (-3.334). Por outro lado, apenas a indústria química de produtos farmacêuticos, veterinários e de perfumaria terminou o mês com saldo positivo: criação de 1.013 empregos no mês.

Já o campo e a agroindústria contrataram, ao todo, 40.917 novos empregados com carteira assinada. O cultivo do café foi quem liderou essa criação de trabalhos, com 14.024 empregos, especialmente em Minas Gerais, onde foram registrados 14.583 novos trabalhadores nesse segmento. Em seguida, apareceram atividades de apoio à agricultura (11.297 empregos) e cultivo da laranja (8.903 empregos).

As informações são do Jornal Hoje em Dia.

Extraído do site CaféPoint

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *