Senar e Cooxupé assinam convênio na Femagri

Imprimir
O Senar Minas e a Cooxupé (Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé) assinaram convênio na manhã do dia 21 de fevereiro, na abertura da FEMAGRI (Feira de Máquinas, Implementos e Insumos Agrícolas), evento organizado pela cooperativa, firmando mais uma vez a parceria iniciada em 2011; que tem como objetivo levar conhecimento ao homem do campo. Desde o primeiro convênio foram realizados 1.628 cursos e capacitados mais de 19.000 pessoas.

O investimento previsto para 2018 é de R$ 1.210.000,00 para capacitação de mão de obra na área de atuação da Cooxupé. Os recursos serão aplicados nos regionais de Patos de Minas (R$ 185.000,00) e no regional de Passos (R$ 1.025.000,00), superando os valores investidos em 2017 em R$ 260.000,00.

Durante a cerimônia, o vice-presidente da cooperativa, Carlos Augusto Rodrigues de Melo reafirmou a importância do convênio e destacou como um dos bons serviços prestados pela cooperativa. O presidente Carlos Alberto Paulino da Costa ressaltou o compromisso social da cooperativa e do Senar para a formação do produtor rural. O superintendente do Senar Minas, Antônio do Carmo Neves, reconheceu o trabalho e a importância de todos os envolvidos: sindicatos, mobilizadores, instrutores, gerentes regionais. “Esta parceria está consolidada e em crescimento o que nos dá uma satisfação muito grande. Só esta acontecendo à continuidade e o fortalecimento deste termo de cooperação, porque as ações estão acontecendo nos municípios atendendo as necessidades da Cooxupé e dentro das normas do Senar Minas, o que o produtor agradece. Eu quero parabenizar a todos os envolvidos e agradecer a Cooxupé, esta cooperativa que escreve a história deste país, pela parceria. Estarmos juntos muito nos honra”, ressaltou.

Com o tema “Produção responsável para uma cafeicultura de sucesso” a Femagri segue até o dia 23. Na edição desde ano, 8% maior que a edição de 2017, reúne o que há de melhor em tecnologia para o café e abre um novo espaço para a pecuária. A expectativa é de que mais de 35 mil pessoas passem pela Feira. Na manhã do dia 21, durante a abertura oficial, 5 mil pessoas estavam no local do evento.

Na Feira
Ex-alunos do Senar Minas participam da FEMAGRI expondo seus produtos. A artesã de Carmo do Rio Claro, Miriângela Savioli Marques, está no local para a comercialização e explicação das técnicas de produção de tecelagem e doces.

A história de Miriângela com o Senar começou há 20 anos, quando morava na zona rural. Atualmente, Miriângela trabalha com a tecelagem e levou para a feira mantas, tapetes, colchas e acessórios como xales e cachecol. Entre os doces estão os cristalizados, marca registrada das doceiras carmelitanas, compotas e o famoso torrone.

Miriângela é um exemplo de sucesso, pois enquanto residiu na zona rural participou de várias capacitações do Senar, especializou-se em tecelagem e hoje é uma empreendedora desse segmento. O primeiro dia do evento foi um sucesso tanto na divulgação dos cursos do Senar como na comercialização dos produtos.

Fonte: Assessoria de Comunicação Senar MG – Regional de Passos (Por Denise Bueno)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *