Semana Internacional do Café começa com homenagem da ABIC ao Governador de MG

Imprimir
Começou nesta quarta-feira (25/10), na Expominas, em Belo Horizonte-MG, a Semana Internacional do Café (SIC), a maior feira do mercado cafeeiro que integra cafeicultores, torrefadores, classificadores, exportadores, compradores, fornecedores, empresários, baristas, proprietários de cafeterias e apreciadores. O evento acontece até a próxima sexta-feira, 27, e traz, além do amplo network promovido pela feira, sessões de cupping, workshops de torra e o seminário “DNA CAFÉ 2017”, que reúne os atores da cadeia do café nacional e internacional para debater tendências, desafios e ações para o futuro do mercado de café mundial.

Durante a abertura da feira, a ABIC, apoiadora do evento, homenageou o Governador do Estado de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT-MG), com a Medalha Honra ao Mérito Industrial de Café. Na ocasião, o presidente da ABIC, Ricardo de Sousa Silveira e o diretor-executivo, Nathan Herszkowicz, apresentaram ao governador Pimentel, ao presidente da FAEMG, Roberto Simões e ao secretário de Agricultura do Estado, Pedro Leitão, o aplicativo “De Olho no Café”, com demonstração ao vivo do funcionamento dessa ferramenta.

Ainda hoje, 25/10, Nathan Herszkowicz estará presente no seminário “DNA CAFÉ 2017”, ministrando a palestra “Nova Pesquisa de Hábitos e Tendências de Consumo”, a partir das 17h15.

Na quinta-feira, entre 14h30 e 16h30, estaremos presentes na iniciativa “Cafeteria Modelo”, promovendo uma Degustação Orientada das Categorias de Qualidade do Café, com nossas Coordenadora e Assessora de Projetos, Mônica Pinto e Christianne Monteiro, respectivamente. Mostraremos na prática como avaliar sensorialmente o café, seguindo a metodologia do Programa de Qualidade do Café ABIC.

E no dia 27/10, das 9h às 13h30, realizaremos a Reunião Regional ABIC Belo Horizonte/MG, cuja pauta terá, entre outros assuntos importantes, noticias preocupantes de aumento significativo da infestação de Broca do café em diversas regiões produtoras e, consequentemente, da dificuldade para aquisição de lotes de café com qualidade compatível.

Fonte: Ascom ABIC

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *