Quebra no café chega a 50% em algumas áreas

Imprimir

A seca que atinge algumas regiões produtoras de café em Minas Gerais deverá causar grandes prejuízos aos produtores. Em lavouras mais novas, as perdas poderão chegar a 50%. Na área que inclui o Sul de Minas, o Cerrado Mineiro e o Vale do Rio Pardo, em São Paulo, a quebra da safra deverá ficar em 30%, diz Carlos Alberto Paulino da Costa, presidente da Cooxupé, a maior cooperativa de cafeicultores do mundo.

Fernando Rocha, que planta café nos arredores de Alfenas, disse que em seus 65 anos nunca viu uma estiagem tão severa como a atual. Ele estimava colher mil sacas, mas hoje prevê a metade disso. Para os plantadores de café, a recente alta dos preços, que chegou a quase 30% em Nova York desde o início do ano, não compensa o prejuízo. Mesmo se começar a chover nos próximos dias, como indicam as previsões meteorológicas, eles não vão conseguir recuperar as perdas, porque as plantas vão tirar a água dos grãos, que ficarão murchos.

Fonte: Valor Econômico

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *