Projeto Conilon Eficiente insere tecnologia à cafeicultura capixaba

Imprimir

Café é sinônimo de Brasil, e mais ainda de Espírito Santo. Com uma vasta participação na economia do estado, desde o início da história capixaba, a cafeicultura se desenvolve a cada ano. Porém, com o avanço tecnológico, o produtor rural vai se tornando obsoleto e perdendo espaço para a tecnologia.

Neste contexto, o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Espírito Santo (Sebrae ES), com a Cooperativa Agrária dos Cafeicultores de São Gabriel (Cooabriel), criaram um projeto de assessoria tecnológica e gerencial a um grupo de produtores da atividade de café Conilon, vinculados à cooperativa.

O Projeto Conilon Eficiente tem como meta levar a educação ao produtor rural, ensinando novas práticas tecnológicas e um método de gestão, onde o mesmo possa praticar e acompanhar os resultados do seu negócio. Com essa metodologia é possível aplicar novas técnicas capazes de proporcionar ganhos de produtividade e qualidade ao produto.

Segundo a gestora do projeto, a analista da Unidade de Atendimento ao Agronegócio do Sebrae ES, Karla Fernanda Cardoso, uma mudança metodológica caracterizada por assessoramento tecnológico e gerencial proporciona resultados significativos na região. “Essa metodologia agrega valor com a inserção do conceito de gestão na consultoria tecnológica tradicional, além do efeito multiplicador das propriedades assistidas na região. Proporcionando aos produtores participantes o aprendizado na prática do gerenciamento de seu negócio”, afirma.

O Sebrae ES é o responsável pelas articulações para execução do projeto, bem como pelo acompanhamento do projeto na Cooabriel, cabendo ao mesmo além do acompanhamento e avaliação, a articulação de outras atividades de interesse para o desenvolvimento do grupo de produtores e do projeto em si.

Produtor dobra produção após o projeto

Antônio Carlos Soares é produtor de café do município de Vila Valério, interior do estado. Participante do projeto desde 2006, o produtor dobrou sua área de plantação de café. No início do projeto, sua área em café era de 5,9 hectares e em novembro de 2012, já contava com uma área de 12,4 hectares plantados.

Outro grande indicador de sucesso deste produtor capixaba é sua renda bruta, em função da safra. De 2006, antes do projeto, até 2012/2013 foram 638% de aumento de renda, chegando a R$ 183.500 de renda bruta.
Tendo em vista que um dos principais objetivos do trabalho de acompanhamento é que o produtor obtenha lucro com sua atividade, foi observado que o lucro por saca do produtor, aumentou em 695% e o lucro por hectare aumentou em 2439%.

Sobre o Projeto

O Conilon Eficiente é um projeto de caráter educacional, voltado ao produtor rural, que busca, através da consultoria tecnológica e gerencial, desenvolver a gestão do negócio rural com a introdução de mudanças tecnológicas, visando assim melhorar a qualidade de vida do produtor e de sua região como um todo.

Tem como objetivo principal promover a educação do homem do campo, de forma participativa, proporcionando o desenvolvimento e crescimento econômico do cooperado, estendendo seus benefícios a toda cadeia produtiva.

O produtor rural é o alvo da ação de consultoria gerencial e tecnológica oferecida pelo projeto. A fórmula possui uma série de variáveis, cujo desafio principal é levar as pessoas à informação que possibilite a satisfação de suas necessidades e a solução de suas dificuldades.

Fonte: Sebrae ES

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *