Produção de café será suficiente para os mercados interno e externo, diz Cooxupé

Imprimir
Em ano de bienalidade positiva para a produção de café, a Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé (Cooxupé) estima a produção de 19,9 milhões de sacas de arábica em 2018. O volume previsto é referente a produção dos cooperados da entidade, que ultrapassam 14 mil cafeicultores. O resultado é ligeiramente inferior ao de 2016, quando foram produzidas 20,6 milhões de sacas de café. Em 2017, por causa da bienalidade negativa, o resultado ficou em 15,5 milhões de sacas.

A previsão da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) para a produção brasileira de café em 2018 é de até 58,5 milhões de sacas em 2018, sendo 44,55 milhões de sacas de café arábica e 13,96 milhões de sacas de café conilon. Demanda por café Apesar do leve recuo previsto para a produção, o presidente da Cooxupé, Carlos Paulino da Costa, está otimista com a safra e acredita que a produção será suficiente para atender a demanda do setor. “Eu não vejo risco de faltar café. Pelos dados que nós temos de previsão de safra, todas [as estimativas] estão prevendo uma produção suficiente para o mercado interno e para exportação”, afirma Paulino.

carlos paulino cooxupeCarlos Paulino da Costa, presidente da Cooxupé, está otimista com a safra e acredita que a produção será suficiente para atender a demanda do setor (Foto: Arquivo)

Safras anteriores

Segundo o presidente da Cooxupé, a leve queda na estimativa de produção em relação ao ano de 2016 se deve ao histórico climático dos últimos anos. No caso das lavouras de arábica, o resultado vai ser influenciado pelas secas sofridas nas sacas anteriores. “As culturas permanentes sofrem as consequências dos anos anteriores. Se ocorreu muito bem nos anos anteriores, isso vai refletir numa produção muito boa. Se sofreu estresse, não é de um ano para o outro que vai se recuperar”, explica Paulino.

Fonte: SF Agro – Farming Brasil (Por Naiara Araújo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *