Produção de café na Índia cresce 2%, para 5,3 milhões de sacas

Imprimir

A produção de café da Índia deve aumentar cerca de 2%, alcançando recorde de 5,3 milhões de sacas de 60 kg, com produtores capitalizados por colheitas anteriores e com o clima mais ou menos favorável, informou relatório do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA). Muitos participantes da indústria esperavam uma queda na produção do país, depois que uma severa estiagem castigou o país no início deste ano.

O USDA informou em seu relatório que, além da melhora do clima (um mau início da estação de monções, de junho a setembro, deu lugar a condições mais úmidas), o aumento da produção foi estimulado pelas melhores práticas agrícolas, que impulsionaram a produtividade.

A Associação de Produtores da região de Karnataka estimou em setembro produção de cerca de 300 mil toneladas, ou 5 milhões de sacas, na nova safra que começou em 1º de outubro. Kanataka representa aproximadamente 70% da produção indiana de café.

Na safra 2012/13, a exportação de café da Índia pode cair por causa do aumento dos estoques globais, informou o USDA, projetando queda de 300 mil sacas nos embarques, para 5,5 milhões de sacas. No entanto, o volume exportado não está muito distante do recorde de 5,8 milhões de sacas da safra 2011/12.

As cotações do café robusta, que representa perto de 60% da exportação indiana, têm se mantido relativamente estáveis, apesar da forte demanda, comentou o USDA. Os principais países exportadores elevaram o embarque de café robusta em cerca de 13%, para 41,8 milhões de sacas em 2011/12, de acordo com dados do relatório deste mês da Organização Internacional do Café (OIC). A Índia é o terceiro maior produtor de café da Ásia, atrás apenas de Vietnã e Indonésia. As informações são da Dow Jones.

Fonte: Agência Estado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *