Produção de café em Honduras sobe 230% em 10 anos

Imprimir

O presidente do Instituto Hondurenho de Café, Asterio Reyes, disse que o grão segue sendo a primeira fonte de divisas pelas exportações do país centro-americano, e que a nova produção superará em 613 mil sacas à do ano de 2011-12, que concluiu no último domingo, com um volume recorde de 5,5 milhões de sacas.

Reyes anunciou as perspectivas do novo ano cafeeiro no encontro que reuniu centenas de produtores em Tegucigalpa, comemorando o Dia Nacional da Cafeicultura, que contou com a participação do presidente hondurenho, Porfirio Lobo, e de outras autoridades locais e empresários.

Lobo afirmou que, se essa tendência continuar, Honduras em breve estará superando a Colômbia e estaria se convertendo no segundo maior produtor de café da América Latina, depois do Brasil.

O gerente do Instituto Hondurenho de Café, Víctor Hugo Molina, disse em 25 de setembro que as exportações de café da safra que acabou de terminar renderam US$ 1,44 bilhão. Ele disse que as exportações foram de cerca de 5,5 milhões de sacas, frente às 3,9 milhões de sacas exportadas em 2010-11.

Fonte: Agência EFE, traduzida e adaptada pela Equipe CaféPoint

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *