Produção de café de Uganda deve ser recorde em 2014/15, estima USDA

Imprimir

A produção de café em Uganda, segundo principal produtor africano atrás da Etiópia, deve alcançar recorde de 4 milhões de sacas de 60 kg na safra 2014/15. A estimativa faz parte de relatório do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA).

O clima favorável, a melhora nos preços internacionais do grão e programas de expansão da produção financiados pelo governo contribuem para o crescimento da produção, informa o USDA. O país produz café arábica e robusta. O robusta, porém, representa cerca de 80% da safra total.

Ambas as variedades são cultivadas por cerca de 500 mil agricultores em pequenas propriedades, consorciadas com outras culturas, como banana e feijão. A colheita é realizada durante o ano todo, com dois picos principais, entre novembro e fevereiro e de junho a setembro.

Conforme o USDA, Uganda deve exportar 3,8 milhões de sacas no período 2014/15. O produto é embarcado principalmente para União Europeia, Estados Unidos, Suíça e Índia. Quase todo o embarque é feito pelo Porto de Mombasa, no Quênia. O consumo interno em Uganda é irrisório, alcançando 3% da produção nacional. O fraco desempenho é atribuído à baixa renda da população, ao hábito de consumo de chá e inadequada promoção do café.

Fonte: Agência Estado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *