Presidente da Colômbia quer produção de 11 a 12 mi/scs ao ano

Imprimir

O presidente da Colômbia, Juan Manual Santos, estimulou os cafeicultores do país a voltar a produzir 11 ou 12 milhões de sacas de 60 quilos por ano. "Nosso objetivo como Governo, com todas essas medidas que beneficiam o café e as famílias produtoras, é regressar aos níveis de produção à ordem de 11 ou 12 milhões de sacas por ano em um futuro próximo".

O presidente disse isso durante a celebração dos 85 anos de vida da Federação Nacional de Cafeicultores (FNC), uma das organizações de produção mais importantes da Colômbia, ocorrida em Medellín.

Santos disse que, segundo explicou à FNC, a produção de café caiu por causa do fenômeno climático La Niña, que afetou a floração e as colheitas e favoreceu a incidência de ferrugem do café. "Com uma produção de 7,8 milhões de sacas no ano passado, estamos produzindo menos da metade do que produzíamos há duas décadas. Passamos de uma participação percentual de nosso grão no mercado mundial de mais de 15% em 1980 para apenas 6,2% no ano passado".

A produção de café da Colômbia baixou 12% com relação ao ano anterior em 2011, para 7,8 milhões de sacas, de 8,9 milhões de sacas em 2010. Em 2009, essa produção chegou a 7,8 milhões, enquanto em 2007 e 2008, alcançou os 12,7 e 11,4 milhões de sacas, respectivamente.

Outra razão que tem favorecido a baixa na produção que, no entanto, não é negativa, segundo Santos, "são as intensas campanhas de renovação de cafezais que, apesar de seu beneficio, representam uma menor produção em curto prazo".

Ele também lembrou que, no começo de seu Governo, que iniciou em agosto de 2010, "deu-se grande importância ao programa de renovação para melhorar a produtividade, cultivando variedades mais resistentes a pragas e doenças e menos vulneráveis frente às incidências de mudança climática".

Ele disse que esse processo busca "renovar pelo menos 120 mil hectares a cada ano e é de se esperar que no próximo ano comecemos a ver os efeitos positivos das parcelas que começarão a render com maior produtividade". A reportagem é do www.elpais.com.co, traduzida e adaptada pela Equipe CaféPoint.

Fonte: CaféPoint

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *