Prêmio do café robusta melhora na Indonésia; Vietnã tem desconto

Imprimir

Os prêmios do café da Indonésia subiram e podem se fortalecer novamente na próxima semana, após o fim da colheita no segundo maior produtor de café robusta do mundo, porém, os descontos se ampliaram no Vietnã, com a aproximação da nova safra, disseram traders nesta quinta-feira.

A colheita foi concluída neste mês na principal ilha produtora da Indonésia, Sumatra, enquanto no ano passado ela terminou por volta de agosto. Fortes chuvas afetaram a safra na temporada 2011/12, causando uma severa escassez de oferta que levou os prêmios a máximas recordes de 550 dólares no ano passado.

O robusta pode ser misturado com grãos arábica de alta qualidade, para um café de menor custo, ou processado em café instantâneo.

“A temporada está terminando, então há menos café disponível e Londres também está caindo. O prêmio está mais para 40 dólares agora”, disse um operados em Cingapura, que comercializa robustas da Indonésia e do Vietnã.

“Há quantias de café negociado. O mercado local está muito quieto, então os grãos são exportados com aqueles prêmios.”

Na semana passada, o grão de Sumatra tipo 4, com 80 por cento de defeituosos, foi cotado 10 dólares acima do contrato janeiro em Londres para entrega entre outubro e novembro. Os grãos no maior produtor, o Vietnã, foram ofertados com descontos em relação aos futuros. COF/VN
A produção de café indonésia em 2013/13 está estimada em 9,7 milhões de sacas, um aumento de 1,4 milhão por conta do clima favorável, de acordo com o Departamento de Agricultura norte-americano (USDA).

Fonte: Reuters

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *