Preços subiram em Dólares no Brasil em Julho

Imprimir

Os preços físicos internos do café arábica subiram em dólares no Brasil no mês de julho na média. Em reais, o comportamento foi de cotações mistas. É o que mostra o balanço mensal de SAFRAS & Mercado. Em dólares, os preços avançaram 1,43% e 4,16%. Já em reais, as cotações ficaram em média entre baixa de 0,8% e alta de 1,87%.

Em dólares

O café arábica de bebida mais fina do Cerrado mineiro fechou julho com preço médio de US$ 175,98 a saca, com incremento de 1,98% no comparativo com junho, quando o preço era de US$ 172,57 a saca. O café bebida dura do sul de Minas Gerais teve média de US$ 173,28 a saca em julho, com aumento de 2,33% sobre junho (US$ 169,33). O rio tipo 7 foi o que mais subiu em julho em dólares,4,16% em média, passando de US$ 119,32 a saca em junho para US$ 124,29 em julho.

Em reais

O café 600 defeitos em reais ficou na média em julho em R$ 232,64 a saca, caindo 0,8% no comparativo com junho (R$ 234,52 a saca). Já o café rio tipo 7 em julho atingiu R$ 220,05 a saca, subindo 1,87% em reais no comparativo com junho (R$ 216,00 a saca).

Fonte: Safras & Mercado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *