Portugueses bebem menos 35% de café do que a média europeia

Imprimir

A frieza dos números contradiz a percepção: o consumo per capita de café em Portugal é um dos mais baixos da Europa. E quase três em cada dez cafés já são bebidos em casa.
Em média, os portugueses bebem "apenas" 2,2 chávenas de café por dia, o que equivale a menos 35% do que a média europeia, contabilizou a associação nacional dos industriais e comerciantes do sector (AICC).

A divergência acentua-se quando a comparação é feita com os países nórdicos, onde são consumidos dez quilos de café por ano, contra 4,26 quilos em Portugal.

"Embora nestes países o consumo de café seja geralmente mais diluído, o certo é que ingerem mais do que os portugueses. Na Finlândia, por exemplo, o consumo atinge cerca de 13 quilos por pessoa por ano", lê-se num documento da AICC, disponibilizado na conferência sobre exportação do produto, a decorrer no Porto.

Em Portugal, a tendência aponta para o crescimento mais acentuado do consumo de café no lar (6%) face às vendas em restaurantes, cafés, bares ou hotéis.

São as vendas no retalho que têm "dinamizado o sector", sublinha a associação presidida por Maria José Barbosa. O consumo no lar representa já 27% do mercado (quando há dois anos era de 20%), enquanto o canal Horeca "tem vindo a perder clientes e volume de negócio", absorvendo a quota de 73% restante.

Fonte: Jornal de Negócios (Portugal)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *