Polícia Militar prende quadrilha que roubava fazendas de café da SP e MG

Imprimir
Policiais militares de São João da Boa Vista, Vargem Grande do Sul e Espírito Santo do Pinhal (SP) prenderam um grupo suspeito de participar do assalto a uma propriedade rural na segunda-feira (10). A PM acredita que os seis homens e a mulher detidos também agiram em outros crimes praticados em Minas Gerais (MG).

A prisão aconteceu depois que a corporação recebeu informações de que um dos assaltantes, de 21 anos, teria quebrado a perna e ficado para trás. A polícia começou a realizar buscas nas estradas e, depois de uma denúncia, encontrou o suspeito na zona rural de São João da Boa Vista, nas proximidades de onde ocorreu o roubo.

O homem confessou ter participado do assalto ao sítio e, a partir das informações fornecidas, os policiais prenderam dois homens e uma mulher em suas casas, em Vargem Grande do Sul. Com a mulher, foram apreendidas duas espingardas e três revólveres calibre 38.

“Na sequência, fomos até a cidade de Andradas (MG) e lá abordamos outras duas pessoas, que acabaram confessando a participação nesse roubo”, informou o capitão Alexandre Bergamasco, comandante da Polícia Militar em São João da Boa Vista.

Os policiais recuperaram parte dos R$ 2,4 mil em dinheiro e 114 sacas de café que teriam sido roubados no dia anterior. Além disso, os quatro veículos usados na fuga, entre eles um caminhão, também foram encontrados.

Outros casos
Um dos homens presos seria o receptador do café roubado e, segundo Bergamasco, o grupo pode ter agido em outros casos de assalto a fazendas produtoras do grão. “A forma de atuação em todas as ações é muito parecida”, comentou.
Para a PM, o destino da mercadoria seria o comércio clandestino. Os detidos foram levados para a cadeia de São João da Boa Vista e vão responder por roubo qualificado.

Fonte: EPTV São Carlos e G1 São Carlos e Araraquara

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *