Pinhalense inaugura linha BASE com lavador apresentado na Femagri 2018

Imprimir
Aumentando seu portfólio de equipamentos, a Pinhalense Máquinas Agrícolas criou a linha BASE. O primeiro equipamento da série lançado comercialmente é o Lavador B-LSC, maior novidade do estande da fabricante de Espírito Santo do Pinhal (SP) na 17ª Femagri, que acontece de 21 a 23 de fevereiro, em Guaxupé (MG).

Trata-se de uma máquina de simples operação, dispensando a regulagem de pedras e separando cerejas e verdes dos cafés boias. Em relação ao tradicional lavador LSC-10P, o B-LSC apresenta menor peso, menor comprimento da bica de pré-limpeza, sistema de trabalho e motorização diferentes. O sistema de peneiras é único, e não misto, e a separação das pedras é realizada automaticamente, sem regulagem, com um sifão único – no LSC-10P há duplo sifão e possibilidade de regulagem.

Lavador Pinhalense B-LSC (Foto: Divulgação/Pinhalense)

Além da novidade, a Pinhalense apresenta aos cooperados da Cooxupé um conjunto completo nas linhas mecanização e pós-colheita. São mais de 25 equipamentos no total, desde torradores até colheitadeiras. Entre os destaques, estão o secador estático de 9 mil litros, com estrutura modular e flexível, o despolpador ECO SUPER, ecológico, econômico e premiado internacionalmente em 2017, as colheitadeiras P1000 e P1000 TR, com o melhor custo-benefício do mercado, e os torradores com diferentes especificações para atender laboratórios e salas de prova.

“A mensagem que desejamos passar na Femagri continua sendo a de oferecer a melhor qualidade com preços acessíveis ao pequeno produtor”, afirma o presidente Reymar Andrade.

Sobre a Pinhalense
Líder mundial em tecnologia para processamento de café, a Pinhalense Máquinas Agrícolas conta com três unidades fabris que somam mais de 60 mil m² de planta industrial, em Espírito Santo do Pinhal (SP), onde foi fundada há mais de 67 anos. Com cerca de 770 colaboradores, tem máquinas em operação em quase 100 países para clientes de todos os portes, nos segmentos de café, cacau, castanha, feijão, cereais, pimenta e noz macadâmia. Detém mais de 25 patentes em diversas etapas do processamento, da recepção à exportação, e investe permanentemente em pesquisa de novas tecnologias e qualidade, para evolução dos equipamentos e instalações em funcionamento. Mais informações: http://www.pinhalense.com.br/.

Fonte: ADS Comunicação Corporativa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *