Para vice-presidente da Cooxupé, indústrias ajudariam no preço do café se o pagamento fosse feito em prazo mais curto

Imprimir

Prazos atuais variam de 6 meses a 1 ano, deixando cafeicultores inseguros, principalmente com relação aos custos de produção. Para o vice-presidente da Cooxupé, Osvaldo Bachião, as indústrias ajudariam no preço do café se o pagamento fosse feito em prazo mais curto. Confira entrevista do site Notícias Agrícolas no vídeo.

Fonte: Notícias Agrícolas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *