Pagamento para agricultor que não desmatar entre em pauta na Câmara

Imprimir

A Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável realiza audiência pública nesta terça, dia 11, para debater projeto que cria a Redução Certificada de Emissões do Desmatamento e da Degradação (RCEDD), um mecanismo para recompensar os proprietários rurais que evitarem o desmatamento.

A remuneração será por meio de créditos de carbono. São títulos de Redução Certificada de Emissão (RCE), regulados pelo Protocolo de Quioto – em projetos de Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL). Os créditos de carbono são originados a partir de projetos que evitam ou contribuem para a diminuição da emissão de gases de efeito estufa para a atmosfera.

O Brasil entrou no mercado de créditos de carbono em 2004, quando o governo anunciou os dois primeiros projetos de MDL. Eles versam sobre aproveitamento de metano em aterros sanitários – gás produzido pela decomposição do lixo, que causa maior aquecimento na atmosfera do que o gás carbônico.

O debate foi sugerido pela relatora da proposta, deputada Rebecca Garcia (PP-AM). Ela quer aperfeiçoar o projeto que espera aprovar ainda neste semestre. A reunião será realizada às 13h30min no plenário 8.

Fonte: Agência Câmara 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *