Onda de frio atinge parcialmente o café

Imprimir
A queda mais significativa dos termômetros está prevista para o período entre sexta-feira e o fim de semana. O frio mais forte será registrado no sábado, mas é no domingo que a área de alta pressão deve alcançar o sul de Minas e o risco de geada por enquanto está previsto para o café do nordeste do Paraná, Baixa Mogiana em São Paulo e pontos mais altos do sul de Minas. Embora exista esse risco de geadas, a maior parte das áreas produtoras não será afetada pelo frio.

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) por meio do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC) esclarece que a partir da próxima quinta-feira (04/07), haverá a atuação de uma forte massa de ar frio de origem polar que provocará acentuado declínio das temperaturas na Região Sul, e posteriormente, no Sudeste, Centro-Oeste e sul da Região Norte do Brasil. A medida em que ocorre o avanço da frente fria, também haverá condição para chuvas fortes na faixa leste do Sudeste na quinta e sexta-feira (04 e 05/07), principalmente na faixa litorânea de São Paulo.

A intensa massa de ar frio na retaguarda da frente fria provocará acentuado declínio das temperaturas que favorecerá a ocorrência de geadas amplas e de forte intensidade na Região Sul do Brasil, provocando possivelmente transtornos ao setor agropecuário. Há também potencial para ocorrência de neve nos pontos mais altos da Região Sul, entre a sexta-feira (05/07) e o sábado (06/07). No sul da Região Norte (Sul do Amazonas, Acre e Rondônia) será observado o fenômeno da friagem, também provocando queda nas temperaturas principalmente no sábado.

A previsão das regiões atingidas e a intensidade dos episódios de geada, neve e friagem só serão confirmadas à medida que as condições meteorológicas forem evoluindo ao longo da semana. Desta forma, recomenda-se o acompanhamento da atualização da previsão de tempo específica para a sua cidade em: http://tempo.cptec.inpe.br/, dos avisos meteorológicos vigentes em: http://tempo.cptec.inpe.br/avisos/ e das condições de tempo na América do Sul em: http://tempo.cptec.inpe.br/boletimtecnico/pt

Fonte: CPTEC/INPE via Revista Cafeicultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *