Nutricionista dá dicas para preparar um bom café

Imprimir

O café é uma das bebidas mais consumidas no mundo. (Foto: Guilherme Veríssimo/Esp. DP/D. A Press)

Para encerrar a Semana do Café no Gastro, a professora do curso de Nutrição do Centro Universitário Maurício de Nassau, Joyce Moraes, deu algumas dicas sobre a bebida. O café traz benefícios para a saúde, mas também pode causar problemas caso seja consumida em excesso.

"O café é rico em antioxidantes, o que vai prevenir o surgimento de radicais livres, os quais favorecem o surgimento de doenças e do envelhecimento precoce", destaca a professora. Apesar disso, não são todos os tipos da bebida que traz benefícios para a saúde. "Todas as variedades que não são coadas por filtro, como o solúvel e o expresso, vão elevar o colesterol", explica.

Mas independente dos pontos positivos, o ideal é consumir no máximo duas xícaras por dia. "O café possui a cafeína, que é metabolizada pelo fígado. Quando consumida em excesso, ela pode sobrecarregar o órgão, fazendo com que ele fique deficiente na eliminação de toxinas", contou.

Para preparar um bom café, a professora de Gastronomia da Uninassau, Lidiane Santos, deixou algumas dicas:

1. Verificar se a embalagem está bem fechada e na data de validade, café velho perde aroma e sabor;

2. Utilizar grãos selecionados e de boa procedência. Comprar marcas com os grãos uniforme na cor da torra;

3. Armazenar os grãos ou pó, dentro da própria embalagem em recipientes herméticos e escuros em lugar seco e fresco. Para guardar o café na geladeira, certifique-se que a embalagem ou o pote estão bem fechados. Isso evita que o café seja impregnado pelo cheiro de outros alimentos. Ao tirá-lo da geladeira, guarde-o imediatamente após o uso para evitar variação de temperatura prolongada que provocará alteração no sabor da bebida;

4. Moa os grãos, sempre que possível, antes de preparar o café;

5. Na utilização do pó, prefira as embalagens que contenham válvula protetora, a vácuo ou embalagens inertizadas, ou seja, que contenham nitrogênio;

6. Utilize água sempre fresca e filtrada;

7. Cuidado com a temperatura da água para não queimar o café, desligue o fogo antes que a ferva e entre no processo de ebulição;

Fonte: Diário de Pernambuco

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *