Museu do Café altera dia de visitação gratuita para sábado

Imprimir

O Museu do Café alterou o dia de visitação gratuita para sábado. Medida é uma iniciativa da Secretaria de Cultura para padronizar todos os seus museus do Estado. (Foto: Arquivo/DL)

A partir do mês de maio, o Museu do Café, instituição da Secretaria de Estado da Cultura, muda o dia de sua visitação gratuita para sábado. A alteração foi realizada após uma iniciativa da SEC que engloba todos os seus museus. Anteriormente, a instituição oferecia gratuidade na visitação aos domingos.

Ao visitar o Museu do Café, além de conhecer o belo edifício da Bolsa Oficial de Café, inaugurado em 1922 como parte das comemorações do centenário da independência do Brasil, o público também tem a oportunidade de aprender, por meio das exposições de longa duração e temporárias, um pouco mais sobre a história do café no Brasil e o quão importante o grão foi – e continua sendo – para o desenvolvimento do país como um todo.

Além de suas exposições, a instituição também é referência na comercialização do produto por meio de sua cafeteria. Na Cafeteria do Museu, o visitante pode comprar os melhores cafés produzidos no Brasil para degustar na hora ou levar para casa. Ao todo, são oito tipos de grãos de diversas regiões do país. A qualidade de seus serviços é reconhecida pela Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic), que premiou a Cafeteria com o status Premium, dentro do programa de abrangência nacional do Círculo do Café de Qualidade. O estabelecimento também detém o título de melhor café do Litoral Sul Paulista pela revista Veja Comer & Beber – Litoral Paulista por sete anos consecutivos (2007-2013).

O Museu do Café fica à rua XV de Novembro, 95, no Centro Histórico de Santos. Seu horário de funcionamento é de terça a sábado das 9h às 17h, e aos domingos entre 10h e 17h. Os ingressos para visitação custam R$ 5, estudantes e pessoas acima de 60 anos pagam meia-entrada. Já a Cafeteria do Museu funciona de segunda a sábado das 9h às 18h, e aos domingos entre 10h e 18h.

Fonte: Diário do Litoral

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *