Mercado Físico mantém cotações pouco alteradas na quinta-feira

Imprimir

Mercado interno com movimentação restrita diante da intensa oscilação dos preços internacionais. Compradores retraídos diante da indefinição do cenário externo levando a redução do volume negociado durante a tarde. Para as principais bebidas, preços pouco alterados.

No Sul de Minas, na quarta-feira, dia 5, reportada venda da Capebe para Unicafé de lote com 1.732 sacas de café bebida dura, com 15%, a R$ 437. Na quinta-feira, dia 6, venda da Cocatrel para Agrotora de lote com 2.120 sacas de café bebida dura riado-rio, com 25% aR$ 352.

No Cerrado mineiro, preços estáveis entre R$ 428 e R$ 435 para bebida dura, dependendo da catação.

Zona da Mata acomodação na demanda e cotações firmes. Café bebida dura, com 15%, a partir de R$ 390, enquanto que café com 20% negociado entre R$ 380 e R$ 385.

No Paraná pouca alteração. Bebida dura, com 20%, aR$ 385.

No Espírito Santo, preços firmes.

Conillon tipo 7 entre R$ 193 eR$ 195.

Em Barreiras, oeste da Bahia, cotações sem movimentação. Bebida dura entre R$ 415 eR$ 418.

Em Rondônia preço para café 400 Defeitos em baixa negociado a partir de R$ 175. A redução do volume comprador pressiona fortemente as cotações mesmo diante da igual pouca disponibilidade de oferta de café do lado vendedor. Café posto SP a partir de R$ 192 e posto PR a partir de R$ 190.

Fonte: Safras & Mercado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *