MERCADO DE CAFÉ COM MARTELO INVERTIDO

O mercado cafeeiro esta semana trabalhou ainda dentro da consolidação que fica entre 230,00 na mínima e 242,25 que era a máxima agora sendo a máxima em 244,50.

Apesar de o mercado ter feito um novo topo , logo apos fazê-lo o mercado recuou, mostrando cansaço e voltou a cair fechando a semana em 234,60.

A configuração da figura de japonese candlestick no gráfico semanal do café, também mostra que o mercado esta cansado de subir e sugere uma correção, que já tinha comentado sobre ela na semana passada, o rompimento da mínima da consolidação abre alvo para a correção com suportes técnicos em 225,00, 220,00 e 216,00 em um recuo em cima das medias e 61,8% de retração de Fibonacci.

No físico o começo do ano sempre começa lento, mas os cafés de qualidade continuam a ser disputado e os ágios são visto sendo pago a toda hora, café despolpado ficando na casa de 480,00 até 500,00 reais por saca de 60 kg e café natural de bebida fina ficando na casa de 380,00 a 450,00 por saca de 60 kg.

As chuvas que caem nas regiões cafeeiras trazem crescimento para lavoura enchimento de grãos, mas também trazem algumas doenças e dificuldades no campo para faze os tratos culturais, mas como nem tudo é perfeito tem que agradecer a nosso Pai eterno e esperar a hora de entrar no campo para fazer um trato melhor em nossas lavouras.

No campo da macro economia não existe novidades as crises continuam e não tem solução em curto prazo, o que nos resta fazer é ficar alertas para que não ser pegos de surpresa.

O cenário do café continua o mesmo também sem alteração, onde os estoques estão baixos para o consumo, fazendo com a indústria trabalhe da Mao pra boca, o clima o grande vilão da agricultura, continua atrapalhando os trabalhos de colheita dos países da America Central, onde podemos deduzir que novamente a safra deles será de baixa qualidade dando suporte à tendência de alta que deve durar ainda por muito tempo, e diminui o tamanho da correção esperada.

Vamos aguardar o movimento do mercado
Uma boa semana a todos

* Wagner Pimentel

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *