Mercado aposta em novas altas para o café

Imprimir
A comercialização de café arábica no Brasil está em ritmo lento diante de uma perspectiva de preços melhores na Bolsa de Nova York nos próximos dias. A consultoria Pharos estima que os fundos de investimentos na posição comprada devem atingir um novo recorde até esta sexta-feira, dia 28. Este seria um indicativo de que o mercado está apostando em novas altas do grão.

O analista da consultoria Safras & Mercado Maurício Muruci explica que o câmbio e as condições climáticas no Vietnã são alguns dos motivos que sinalizam esta tendência de alta. “A colheita do café conilon está atrasada no país asiático, devido às fortes chuvas, e isso traz influência também para o arábica em Nova York. Apesar das monções, que é um fenômeno climático que ocorre na região sul e sudeste da Ásia, ter começado com 45 dias de atraso, as chuvas neste momento já estão dentro da média dos dez últimos anos”.

Outro motivo que pode favorecer a alta dos preços é o clima no Brasil. Apesar de as floradas em Minas Gerais estarem se desenvolvendo de maneira positiva, os produtores estão em alerta com a possibilidade da safra não ser tão forte. “Temos uma florada forte, sim, mas ainda não é uma garantia de lavoura cheia”.

Fonte: Canal Rural (Por Francielle Bertolacini)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *