Matiello é homenageado com Edição Limitada da Orfeu Cafés Especiais

Imprimir
Com atenção e persistência – adquiridas ao longo dos seus mais de 50 anos de experiência neste meio -, Dr. José Braz Matiello, agrônomo da Fundação Procafé e um dos maiores pesquisadores de café do mundo, faz diversos cruzamentos naturais entre variedades em um processo trabalhoso em busca do grão perfeito. É uma jornada de décadas entre testes, erros e acertos até conseguir desenvolver uma nova variedade de planta mais resistente e com sabores e aromas dignos de um café Categoria Especial.

O resultado de seu trabalho colabora para o Brasil ocupar a disputada lista de cafés mais premiados do mundo, e como forma de reconhecimento, Orfeu Cafés Especiais selecionou uma de suas criações para homenageá-lo.

Foram 30 anos de estudos e testes para o lançamento da variedade Acauã, fruto do cruzamento entre duas variedades: Sachimore e Mundo Novo e batizado com o nome de uma ave muito comum no sertão nordestino do Brasil, visto que essa planta é muito resistente à seca.

A Edição Limitada Matiello de Orfeu traz o melhor do Acauã, um café de maturação tardia, com frutos vermelhos vivos e colhidos no seu ponto de maturação ideal. Com uma torra média, ele apresenta acidez e corpo equilibrados com notas de cacau e baunilha, atingindo 87 pontos na criteriosa avaliação da Associação Brasileira de Cafés Especiais.

“O Brasil é o berço mundial da inovação e pesquisa de novas variedades de café. Nesta edição limitada, homenageamos Dr. Matiello, um de nossos cientistas responsáveis por levar cafés raros e premiados à xícara dos brasileiros”, explica Amanda Capucho, CEO da Orfeu Cafés Especiais.

Sempre trabalhando em busca do grão perfeito, Dr. Matiello é pai de outras variedades já lançadas por Orfeu como o Arara, Japy e Beija-Flor e acumula três mil artigos científicos publicados pelo mundo. Todos os estudos de Matiello são baseados em cruzamentos naturais para se obter híbridos e não são transgênicos.

“A Orfeu me dá muito apoio neste sentido, estimula meu trabalho e me dá suporte para seguir esse trabalho ao longo dos anos”, comenta Matiello, que utiliza as lavouras da Fazenda Sertãozinho como seu laboratório.

O café Edição Limitada Matiello de Orfeu pode ser encontrado nas versões grãos, torrado e moído e cápsulas biodegradáveis compatíveis com máquinas Nespresso na loja virtual da marca (www.cafeorfeu.com.br) e nos principais supermercados à partir de 19 de março.

Especificações
Tipo: Arábica
Variedade: Acauã
Fazenda: Sertãozinho
Região: Sul de Minas
Altitude: 1.100 metros
Plantação: Talhão do Pomar
Solo: Podzólico
Processo: Cereja Descascado
Safra: 2018
Notas Aromáticas: Cacau e Baunilha
Torra: Média

Fonte: Revista Cafeicultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *