Massa de ar polar deixa traders em alerta para possibilidade de geada

Imprimir

Uma massa de ar polar é esperada para chegar na próxima semana no Brasil, segundo a empresa Somar, o que fez com que traders ficassem em alerta para possíveis geadas e conseqüente prejuízo às lavouras de café.

Segundo informações colhidas pela News Cafeicultura com o Agrometeorologista Marco Antonio dos Santos, da empresa Somar, em relação à ocorrência ou não de geadas, a massa de ar polar que avançará sobre a região sudeste derrubará as temperaturas entre os dias 02 e 03/06, no entanto, essa massa de ar não deverá a principio, causar geadas. Já as condições meteorológicas para os processos de colheita, essas estarão favoráveis, uma vez que não há previsões de chuvas para os próximos 10 dias.

O boletim semanal da Somar Meteorologia, divulgado nesta quarta-feira (26), informou que as condições meteorológicas registradas nos últimos dias, são excelentes, favorecendo os trabalhos de colheita do café nos estados de São Paulo e Minas Gerais, que já estão com cerca de 20% das lavouras colhidas. No Espírito Santo as boas condições de tempo tem proporcionado um avanço ainda maior na colheita do café conillon, com 18% das lavouras já colhidas. E quanto mais avança a colheita, melhor está sendo a qualidade do produto, com uma menor porcentagem de grãos verdes e imaturos.

A temperatura também tem favorecido para um menor índice de fermentação dos grãos, com uma oscilação média entre 16 e 18°C fazendo com que o processo de fermentação ocorra mais lentamente dando, assim, condições ideais para que os grãos concentrem todas as propriedades organolépticas essenciais á boa qualidade da bebida.

A produtividade, está um pouco abaixo da média, para um ano de safra cheia com alta produção, apresentando variações em algumas regiões produtoras, na região da Zona da Mata Mineira cujas produtividades estão 4 a 5 sacos/ha a menos do que a média, devido ao longo período de estiagem observado entre os meses de janeiro e fevereiro, justamente no período em que ocorre o enchimento de grãos.

Na região do Sul de Minas, a produção das lavouras de café está muito abaixo do esperado, segundo Airton Neves da Sancafé de Varginha, com o avanço da colheita, a pergunta que todos estão fazendo ultimamente é “Cadê o Café ?”, “chegamos até a duvidar do tamanho da safra”.

Fonte: News Cafeicultura

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *