Londres fecha segunda-feira com altas, mas abaixo de US$ 2.100

Imprimir

Os contratos futuros de café robusta encerraram esta segunda-feira com altas, em um dia caracterizado por compras especulativas e também algumas ações compradoras de fundos.

Apesar das altas, o março continuou abaixo do nível de 2.100 dólares por tonelada.

De acordo com analistas internacionais, o dia foi caracterizado por compras ao longo de grande parte do dia, principalmente por não haver uma influência mais forte do dólar, que teve um dia de estabilidade a perdas em relação a outras importantes moedas internacionais, como o euro. "O dia, apesar das altas, foi fraco, sem grandes novidades. O mercado está em uma fase que parece querer se consolidar, apesar de ainda acreditarmos que há algum espaço para um avanço dos preços para níveis próximos dos verificados ao longo de dezembro ou até um pouco além daquilo", disse Clifford Brand, analista sênior da Magritt Consult.

O março teve uma movimentação no dia estimada em 7,31 mil contratos, com o maio tendo 3,44 mil contratos negociados. O spread entre março e maio ficou no nível de 16 dólares.

No encerramento do dia o março teve valorização de 32 dólares, com 2.055 dólares por tonelada, com o maio aferindo ganho de 30 dólares, com 2.071 dólares por tonelada.

Fonte: Agnocafe

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *