Júri técnico avalia, nesta terça-feira (12), amostras de Café do 15º Concurso Nacional ABIC de Qualidade

Imprimir
Na terça feira, dia 12/02, amostras de todos os cafés inscritos no 15º Concurso Nacional ABIC de Qualidade do Café, serão analisadas por um Júri Técnico no laboratório do Sindicato das Indústrias de Café do Estado de São Paulo.

Composto por provadores e especialistas, o Júri avalia sensorialmente a qualidade dos cafés pontuando notas para atributos conforme metodologia de análise sensorial do Programa de Qualidade do Café – PQC da ABIC.

A avaliação da qualidade da bebida leva em conta atributos como aroma, acidez, corpo, adstringência, fragrância do pó e amargor, entre outras características e a nota de Qualidade Global (QG) varia numa escala de 0 a 10.

Participam deste certame, cafés de origens de 4 estados: Bahia, Minas Gerais, São Paulo e Paraná. Cada Estado produtor pode inscrever 1 lote de café arábica, preparado por via seca (Natural); 1 lote de café arábica preparado por via úmida (Cereja Descascado ou Despolpado) e 1 Microlote (preparado por via seca ou úmida que seja cultivado em uma propriedade com 15 hectares de área total).

Além do crivo de um Júri Técnico, os cafés de origem serão avaliados pelas Boas Práticas Sustentáveis na propriedade. A pontuação do Júri Técnico corresponde a 90% da nota final, e a da Sustentabilidade na propriedade 10% .

No dia 15 de fevereiro será divulgado o resultado do Concurso e abertura do leilão virtual dos lotes, que irá acontecer no período de 15 a 25 de fevereiro.

Podem participar do leilão: torrefações, cafeterias e pessoas jurídicas de todo o país. Esses cafés serão posteriormente industrializados e chegarão aos supermercados e lojas gourmet em meados de abril.

CAFÉS INSCRITOS
NO 15º CONCURSO NACIONAL ABIC DE QUALIDADE DO CAFÉ

Categoria

Nome

Propriedade

Cidade

Qtd. de sacas

UF

1

Natural

Anália Luz de Alcântara

Sítio Boa Vista

Vitória da Conquista

6

BA

2

Micro Lote

Joel Marques de Oliveira

Fazenda Brejos dos Aguiar

Vitória da Conquista

2

BA

3

CD

Eufrásio Souza Lima

Fazenda Shekinha

Vitória da Conquista

6

BA

4

Micro Lote

Horácio Antônio de Moura

Três barras

Simonésia

2

MG

5

CD

Walace Ferreira Pedrosa

Fazenda Boa Vista

São Francisco da Glória

6

MG

6

Natural

Josias Gomes

Comunidade Fátima

Espera Feliz

6

MG

7

Micro Lote

Márcio Rosa Fávaro

Sítio Santa Amalha

Ivaiporã

2

PR

8

Natural

José Eduardo Correa Ferraz

Chácara Campina Verde

Ribeirão Claro

6

PR

9

Micro Lote

Carlos Nobukazu Makimoto

Sitio Florada da Serra

Serra Negra

2

SP

Fonte: Abic via Notícias Agrícolas 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *