Illycaffè tem queda de 25% nos lucros de 2020 com restrições por Covid

Imprimir
A Illycaffè registrou uma queda de 25% nos lucros da companhia em 2020, à medida que as restrições impostas para conter a pandemia da Covid-19 atingiram o consumo em bares e restaurantes, disse a italiana em comunicado nesta segunda-feira.

O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado caiu para 57,7 milhões de euros (69,49 milhões de dólares), enquanto o lucro líquido recuou para 5 milhões de euros, ante 19 milhões de euros registrados anteriormente.

As receitas diminuíram 14% para 446,5 milhões de euros, uma vez que as vendas crescentes de café para consumo doméstico –seja através de supermercados ou online– compensaram apenas parcialmente a queda no segmento de consumo fora de casa.

As vendas em supermercados e online aumentaram 30% e 39% no ano passado, respectivamente.

A Illycaffè disse que os Estados Unidos foram o mercado mais afetado pela pandemia, enquanto as vendas na Ásia estão se recuperando, com a Coreia do Sul apresentando forte crescimento.

A fabricante de café premium concluiu em fevereiro a venda de uma participação de 20% para o grupo de private equity Rhone Capital, abrindo a empresa familiar para um investidor externo pela primeira vez nos 88 anos de história.

A italiana ainda disse na época do negócio que não descartava uma listagem em bolsa no futuro.

Fonte: Reuters (Por Cristina Carlevaro)