IBGE: safra de café arábica terá desempenho fraco em ano de safra cheia

Imprimir

Café total (em grão) – Levantamento do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) aponta para uma safra nacional de café a ser colhida em 2014, em 2.968.989 toneladas, ou 49,5 milhões de sacas de 60kg de café em grãos beneficiados, consideradas as duas espécies em conjunto (arábica e canephora), acréscimo de 1,7% em relação à safra colhida de 2013. Mas segundo o Instituto, tudo indica que a safra 2014 será diferente dos últimos 21 anos, se confirmadas as atuais estimativas negativas para o café arábica.

Café Arábica (em grão) – Em 2014 o Brasil deverá produzir 2.228.408 toneladas de café arábica, o que equivale a 37,1 milhões de sacas de 60 kg . Em 2013 que foi um ano de baixa produção, o país produziu 2.270.916 toneladas (37,8 milhões de sacas). Ou seja, o perfil de bianualidade mudou e em ano de safra cheia serão 800 mil sacas a menos ou 1,9 % abaixo da safra anterior.

Minas Gerais, o 1º produtor brasileiro de café arábica, aponta decréscimo de 0,9% na produção esperada para 2014, que totaliza 1.570.136 toneladas (26,2 milhões de sacas de 60 kg).

Café Conillon (em grão) – Para o café conillon, a estimativa realizada em janeiro de 2014 é de que sejam produzidas neste ano, 740.581 toneladas (12,3 milhões de sacas), 14,3% maior que a produção do país em 2013, em uma área a ser colhida de 466.108 hectares. O estado do Espírito Santo, maior produtor brasileiro de canephora, deve produzir, em 2014, 578.205 toneladas (9,6 milhões de sacas), um aumento de 18,1% em relação a 2013. A área a ser colhida deve crescer 0,8%.

Fonte: Notícias Agrícolas via Rede Social do Café

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *